Perfil do Profissional Egresso

O bacharel em Ciência da Computação está apto a resolver problemas, informatizando e/ou automatizando porções do mundo real em qualquer que seja a área do conhecimento humano. Pode, portanto, construir sistemas para apoiar a medicina, as engenharias, o direito, as ciências sociais etc. Em particular ele pode, inclusive, construir sistemas para facilitar a própria construção de novos sistemas de computação.

A título de ilustração podemos dizer que o bacharel em Ciência da Computação pode atuar na construção e/ou avaliação de sistemas complexos tais como: sistemas de supervisão de uma unidade de tratamento intensivo, sistemas de apoio ao monitoramento do meio ambiente, sistemas de apoio à cidadania, sistemas de gerência de recursos humanos, sistemas de apoio e planejamento da produção industrial, sistemas de gerenciamento de grandes redes de computadores etc.

O curso de Ciência da Computação da UFES visa formar um profissional atento às problemáticas do país, com perfil adequado ao trabalho nas indústrias e empresas que compõem o parque local e regional, além de possuir o perfil para trabalhar em outras regiões do país ou fora dele, sendo sensível às necessidades da comunidade em seu entorno e estando apto a integrar equipes técnicas e multidisciplinares. Dessa forma, os egressos do curso de Ciência da Computação, em conformidade com a Resolução CNE/CES nº 05/2016 (DCN), são dotados:

  • (a) de conhecimento das questões sociais, profissionais, legais, éticas, políticas e humanísticas;
  • (b) da compreensão do impacto da computação e suas tecnologias na sociedade no que concerne ao atendimento e à antecipação estratégica das necessidades da sociedade;
  • (c) de visão crítica e criativa na identificação e resolução de problemas contribuindo para o desenvolvimento de sua área;
  • (d) da capacidade de atuar de forma empreendedora, abrangente e cooperativa no atendimento às demandas sociais da região onde atua, do Brasil e do mundo;
  • (e) de utilizar racionalmente os recursos disponíveis de forma transdisciplinar;
  • (f) da compreensão das necessidades da contínua atualização e aprimoramento de suas competências e habilidades;
  • (g) da capacidade de reconhecer a importância do pensamento computacional na vida cotidiana, como também sua aplicação em outros domínios e ser capaz de aplicá-lo em circunstâncias apropriadas;
  • (h) da capacidade de atuar em um mundo de trabalho globalizado;
  • (i) de sólida formação em Ciência da Computação e Matemática que os capacitem a construir aplicativos de propósito geral, ferramentas e infraestrutura de software de sistemas de computação e de sistemas embarcados, gerar conhecimento científico e inovação e que os incentivem a estender suas competências à medida que a área se desenvolve;
  • (j) de visão global e interdisciplinar de sistemas e entendimento de que esta visão transcende os detalhes de implementação dos vários componentes e os conhecimentos dos domínios de aplicação;
  • (k) de conhecimento acerca da estrutura dos sistemas de computação e dos processos envolvidos na sua construção e análise;
  • (l) de conhecimento acerca dos fundamentos teóricos da área de Computação e como eles influenciam a prática profissional;
  • (m) de capacidade de agir de forma reflexiva na construção de sistemas de computação, compreendendo o seu impacto direto ou indireto sobre as pessoas e a sociedade;
  • (n) de capacidade de criar soluções, individualmente ou em equipe, para problemas complexos caracterizados por relações entre domínios de conhecimento e de aplicação;
  • (o) de conhecimento do caráter fundamental da inovação e da criatividade e compreendam as perspectivas de negócios e oportunidades relevantes.
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910